Porto de Galinhas: como curtir a praia pós coronavírus

Porto de Galinhas é uma das praias mais bonitas do litoral sul pernambucano.

Fazer passeios em Porto como, andar de buggy, mergulhar nas piscinas naturais, andar de jangada, ir até Maracaípe, curtir o Pontal, conhecer o centro de Porto de Galinhas e comer deliciosas comidas regionais em seus restaurantes são, sem dúvidas, programas incríveis.

Muro Alto - Porto de Galinhas

Muro Alto – Porto de Galinhas

Porém, como fazer tudo isso em plena pandemia?

É inegável que a crise causada pelo Covid-19 alterou, de maneira profunda, a forma como vivemos e isso inclui, até mesmo, as viagens.

Mas, diferente do que muitos pensam, com os cuidados certos ainda é possível curtir férias incríveis em Porto de Galinhas.

As principais mudanças que aconteceram e ainda irão ocorrer por conta do período pandêmico, envolvem desde o comportamento dos passageiros, higiene das pessoas na hospedagem até cuidados especiais nos pontos turísticos.

Então, para entender a nova forma de fazer turismo em Porto de Galinhas, preparamos um artigo completo para você.

Continue a leitura e descubra como viajar no pós-pandemia – com toda a segurança e cuidado!

Como os passageiros devem se comportar durante a pandemia em Porto de Galinhas

Sabe-se que, durante a pandemia, todo o cuidado é pouco.

E isso inclui os passageiros que vêm e vão em aeroportos e rodoviárias.

Sendo assim, a prefeitura de Porto de Galinhas, assim como a prefeitura de diversos outros pontos turísticos do Brasil, definiu protocolos que devem ser seguidos pelos passageiros para evitar a disseminação da doença.

Esses decretos serviram como base para a outras cidades pelo mundo.

Basicamente, os principais pontos dos protocolos que orientam o comportamento dos passageiros a caminho de Porto de Galinhas, são:

Alocação de passageiros

Porto de Galinhas é um destino turístico mundial, portanto, pessoas do mundo inteiro viajam de avião para visitá-la.

Nesse contexto, algo fundamental é o distanciamento maior entre os passageiros durante os voos.

Falando de forma objetiva, o assento do meio dentro das aeronaves deverá ser inutilizado, e assim, as fileiras das poltronas da janela e do corredor ganharão um espaço de cerca de 1 metro entre si.

Alguns aviões poderão estar funcionando com a fileira do meio ativa, porém, com uma tela de acrílico entre as poltronas dos passageiros, que inviabiliza o contato entre as pessoas sentadas lado a lado.

Proteção individual: como funciona dentro dos aviões

Se você irá viajar para Porto de Galinhas de avião, saiba que o uso de máscara é obrigatório.

Na verdade, é o item mais importante para evitar a disseminação do vírus dentro da aeronave.

As empresas de aviação exigem que tanto seus funcionários (com máscaras fornecidas pela própria organização) quanto os passageiros (com máscaras próprias) estejam com o item de proteção para poder embarcar.

Antes de decolar, os comissários de bordo realizam todas as orientações sobre como utilizar a máscara ao longo de todo o voo.

Limpeza: fundamental dentro das aeronaves

Para combater o coronavírus, a limpeza e higienização dos locais é fundamental e, nas aeronaves comerciais não poderia ser diferente.

As empresas de aviação brasileiras são obrigadas por lei a fazerem um rigoroso processo de limpeza dentro dos aviões para conter a contaminação pelo Covid-19.

Sempre após um desembarque e antes de um embarque, as empresas são responsáveis por limpar todas as superfícies de contato e desinfectá-las com álcool 70%.

Algumas companhias aéreas brasileiras, também consideram utilizar outra técnica já adotada em outros países: submeter as aeronaves a uma varredura realiza com fortes raios ultravioletas, capazes de aniquilar o novo coronavírus.

Temperatura: seu controle é fundamental

O controle de temperatura também é fundamental para identificar possíveis focos de transmissão.

Por isso, as companhias de aviação brasileiras utilizam o termômetro de testa para medir a temperatura dos passageiros na hora do embarque.

Existem duas formas do sistema de medição de temperatura funcionar: uma é com a medição individual, através do termômetro de testa em cada passageiro.

A segunda forma funciona através de câmeras térmicas, que permite aos passageiros passarem juntos pelo sensor.

No entanto, mesmo com duas opções, a mais comum é a medição individual através do termômetro de testa.

Sendo assim, ao viajar de avião para Porto de Galinhas, será necessário medir a temperatura através de algum desses métodos.

No entanto, muitos passageiros chegarão a Porto de Galinhas de carro, ônibus ou até mesmo trem.

Nesses casos, o que fazer?

Bom, vamos lá.

Existem também regras para esses tipos de transportes.

Veja a seguir.

Para o correto funcionamento dos serviços de transportes turísticos municipais e intermunicipais, deverão ser observadas as seguintes normas:

  1. Uso de máscara (obrigatório) para condutores e passageiros;
  2. Condutor deve disponibilizar álcool gel 70% para utilização no embarque e desembarque dos veículos, sejam eles coletivos ou privados;
  3. Opte por andar com as janelas abertas, gerando ventilação natural;
  4. Nos veículos coletivos, é obrigação da empresa de transporte realizar periodicamente a higienização dos bancos, pega-mãos, corrimãos, barras de apoio, catracas, leitores de bilhetes, etc;
  5. Em veículos de transporte privado, sejam táxis tradicionais ou veículos chamados por aplicativos, o condutor também ficará responsável por toda higienização do carro, desde limpeza adequada dos bancos, até as maçanetas, cintos de segurança, volante e outros itens compartilhados com o passageiro;
  6. Evite o uso do carro compartilhado com mais de um passageiro – a menos que os passageiros façam parte do mesmo convívio;
  7. Busque não adentrar em superlotações.

Agora que também vimos como será o novo normal para os passageiros que chegarão até Porto de Galinhos por terra, veremos a partir de agora como será a higiene dos hóspedes em suas acomodações. Confira.

Os hóspedes e sua higiene em Porto de Galinhas

Porto de Galinhas pós coronavírus

É de extrema importância entender quais serão os novos hábitos de higiene dos hóspedes em Porto de Galinhas, tanto nas atividades de recepção, quanto nas áreas comuns de circulação dentro das estadias.

Nesse caso, precisarão ser seguidas as seguintes regras em Porto de Galinhas:

  1. Máscaras obrigatórias tanto para hóspedes quanto para funcionários;
  2. A estadia precisará disponibilizar, gratuitamente, álcool gel 70% nas áreas compartilhadas;
  3. Escolha estar, sempre que possível, em ambientes abertos e ventilados;
  4. A estadia onde você estará hospedado, precisa realizar com frequência a limpeza e desinfecção de áreas comuns, como:  pisos, corrimãos, lixeiras, interfones, botões dos elevadores, maçanetas, tomadas, torneiras e banheiros, além de outros objetos de uso conjunto, como cadeiras, sofás e espreguiçadeiras;
  5. Dê prioridade ao check-in online sempre que possível, para evitar contatos físicos desnecessários;
  6. Em casos onde entrar em filas seja essencial, mantenha 2 metros de distância das pessoas à sua frente e atrás de você;
  7. Em caso de hotéis que utilizam o cartão-chave, ele precisa ser desinfetado antes de ser entregue para você;
  8. As maquininhas de cartão do estabelecimento devem estar envoltas em papel filme transparente;
  9. Ao precisar frequentar ambientes comuns na estadia busque manter, no mínimo, 2 metros de distância entre o sofá, mesa ou cadeiras. Além disso, evite compartilhar mesas e sofás com pessoas que não são do seu convívio;
  10. Evite pegar jornais, revistas ou qualquer material impresso dentro da hospedagem;
  11. Em relação a bares e restaurantes dentro dos hotéis, faça o seguinte: lave ou passe álcool em gel nas mãos antes de se servir. Em seguida, sirva-se com máscara e escolha talheres embrulhados de forma individual (ou talheres descartáveis embalados individualmente). Por fim, mantenha uma distância média de 2 metros na fila, caso seja necessário, e mantenha-se numa mesa também com 2 metros de distância das outras mesas;
  12. Ainda em relação aos restaurantes e bares dentro de hotéis, eles devem estar liberados apenas para quem é hóspede.

Pontos turísticos em Porto de Galinhas: quais são os cuidados ao visitá-los?

Os cuidados e mudanças não se restringem apenas aos passageiros e hóspedes.

Essa nova realidade também se estende para as visitas aos pontos turísticos em Porto de Galinhas.

Para visitar os pontos turísticos, é necessário conhecer alguns protocolos de segurança sanitária, como:

  1. Use máscara como medida básica, mesmo em locais abertos;
  2. Esteja sempre com álcool gel 70% à disposição para passar frequentemente nas mãos;
  3. Evite aglomerações;
  4. Evite comprar ingressos presencialmente. Compre tudo online se puder;
  5. Quando filas forem inevitáveis, mantenha a distância mínima de 2 metros entre a pessoa que está a frente e atrás de você;
  6. Dentro de lojas, respeite o limite de clientes estabelecido em cada local;
  7. Para restaurantes e bares, tome as seguintes providências: higiene das mãos antes de se servir, sirva-se com máscara, opte por talheres embalados individualmente (ou talheres descartáveis embalados individualmente) e reforce o distanciamento de 2 metros entre as pessoas em filas.

Seguindo todas essas medidas, estará tudo pronto para curtir Porto de Galinhas

As medidas podem ser muitas, contudo, apesar de todas as mudanças, a boa notícia é que você não precisa deixar de viajar.

Basta estar atento a todas as regras e curtir seu passeio com segurança.

O que está esperando?

Prepare suas malas e se jogue, com segurança, nas maravilhas de Porto de Galinhas.